31 de dezembro de 2011

O açúcar refinado e seus malefícios

O açúcar refinado é um dos alimentos mais perigosos para a saúde humana. Após pronto, passou por inúmeras operações químicas, onde o melaço foi totalmente dizimado. Perdeu-se tudo de bom, como as vitaminas, os minerais.  Agora só resta carboidratos e calorias, e o seu refinamento só é feito por razões puramente comerciais.
Ao ingeri-lo, ele entra imediatamente na corrente sanguínea, causando um estado de hiperglicemia - ou seja, excesso de glicose no sangue. Isso afoga as células humanas com açúcar -  é uma verdadeira "overdose". Nesse caso, o pâncreas é chamado desesperadamente para acudir. Ele segrega a insulina demais e produz um estado de hipoglicemia - ou seja, escassez de glicose no sangue.
Quando iniciamos o dia comendo açúcar refinado, enchemos o próprio sangue de açúcar,  o que dispara uma reação pancreática. Lá pelas 10 horas, a hipoglicemia o ataca: ele simplesmente chupa uma bala, ou toma café, ou ingere refrigerantes, ou sucos, ou outras bebidas adoçadas com açúcar. Nesse momento, o nível de açúcar eleva-se outra vez, e de novo o pâncreas é chamado para socorrer. E assim atravessa todo o resto do dia, passam-se as semanas, os meses, os anos, e de repente quando menos se espera surge o diabetes...
Observações:
- A hipoglicemia causa uma baixa resistência, tornando a pessoa uma presa fácil para doenças viróticas e bactéricas, além de deixá-la nervosa e reduzir a agilidade mental.
- O diabetes (hiperglicemia) pode ser entendido como o resultado do cansaço do organismo por ter de lidar com tanto açúcar. Vários problemas orgânicos surgem com o desenvolvimento do diabetes, como distúrbios circulatórios variados, infecções pela redução da imunidade geral. É uma doença degenerativa que produz, entre outras coisas, cegueira, impotência sexual masculina, infarto, etc. 

Fonte: Hilton Fito - Fitoterapia, Alimentação Natural, Medicina, Plantas e Ervas Medicinais.
Saiba mais, consultando os livros "Sugar blues", sem açúcar, com afeto e doce veneno"

20 de dezembro de 2011

Tireóide: cuide bem dessa glândula

É muito comum atualmente os casos de distúrbios da glândula tireóide, seja hipo ou hipertireodismo, merecem muito atenção pois a cada dia cresce casos desse diagnóstico. Infelizmente a medicina tradicional não ando junto com a medicina nutricional e trata os pacientes apenas com remédios, alegando que a pessoa deverá tomar o hormônio para vida toda. Triste situação. Saiba que esse problema pode ser evitado sim e contornado  com uma boa alimentação e suplementação de alguns minerais e vitaminas. Muitas vezes tem origem nos problemas emocionais, como exemplo, por situar na região da garganta, que corresponde ao chakra laríngeo, que cuida da comunicação. Engolir sapos, não falar o que deve ser falado desequilibra essa região. Indecisão e frustração também. 
Segundo o livro "Manual do Proprietário do médico Edmond Saab Jr", os hormônios tireoidianos influenciam todos os sistemas orgânicos, pois controlam o processo metabólico do corpo. Veja a seguir os sintomas de hipotireoidismo:
Fadiga
Intolerância ao frio
Constipação intestinal
Diminuição da memória e concentração mental
Pele seca
Alterações do metabolismo de gordura (colesterol e triglicérides)
Aumento de peso
Obesidade
Hipertensão arterial
Queda de cabelos
Unhas quebradiças
Predisposição à infarto e derrame
Sonolência e lentidão
Depressão e ansiedade
Infertilidade feminina
Hemorragias menstruais ou ausência de menstruação
Déficit do hormônio de crescimento e envelhecimento precoce em adultos

Por que temos uma epidemia de hipotireodismo atualmente?
Toxinas ambientais (um exemplo é o flúor na água)
Metais pesados
Oxidação excessiva
Inflamação crônica silenciosa
Déficit de nutrientes
Fígado intoxicado
Mau funcionamento do intestino

Entendendo como o hormônio tireoidiano é fabricado
Se o fígado estiver funcionando mal, como geralmente está, carregado de toxinas, não transforma o T4 em T3. Se o paciente estiver com déficit de selênio, ele também não executa essa transformação.
Ao fazer exame de sangue e dosar  os valores de TSH e do T4 livre e, se essas dosagens estiverem dentro da faixa considerada normal (0,5 a 5)mUI/ml, você não tem hipotireodismo.

Como é feito o tratamento?
Além da prescrição do T4 sintético, o tratamento sugerido é:
Eliminação de toxinas ambientais, diminuindo-se sua exposição.Alimentos ricos em clorofila como verduras escuras e tempero como coentro são excelentes para eliminação de metais pesados como chumbo, alumínio e mercúrio. Algas clorella também é excelente até para ajudar eliminar metais radioativos.
Exercícios físicos para suar a camisa.
Sauna
Equilibrar o intestino
Aumento da produção de glutation
Limpeza intestinal para desintoxicar o fígado e sistema linfático
Atenção à intolerância e alergia alimentares e, nesse caso, existe uma correlação enorme entre hipotireodismo e intolerância ao glúten

Segundo a nutrição, deve-se suplementar o paciente com 
selênio
Zinco
Cobre
Iodo
Vitamina A
Vitamina D

Importante também para controlar a inflamação crônica silenciosa é a suplementação de ômega-3. E para controlar a oxidação excessiva é o uso de antioxidantes.
Se necessário a suplementação de hormônios tireoidianos com a utilização do T4 associado ao T3.
Muitas vezes também o hipotireoidismo está associado ao aumento da resistência à insulina que também gera inflamação crônica silenciosa. Você parou para pensar quantas pessoas tomam remédios para emagrecer sem modular a tireóide? Ou mulheres que não conseguem engravidar e que procuram o ginecologista? Quantos remédios desncessários estão sendo usados e causando efeitos colaterais!
Outra questão importante a informar é o uso do sal de cozinha. Esse comercial refinado que tem apenas cloreto de sódio. Com o crescente aumento de casos de hipertensão arterial, a população está fugindo ou reduzindo o sal na comida. Pois bem. O sal refinado sim deve ser evitado! Em sua composição entram elementos químicos como alumínio e a perda de minerais importantes. O sódio na ausência do potássio e de outros minerais engrossa o sangue e provoca a subida da pressão arterial. Por isso a recomendação de consumo de até 6 gramas de sal por dia. Já o sal marinho contém 82 minerais, assim como o sal do himalaya, também conhecido como sal rosa. Esses sais usados com moderação não tem problema e ainda repõe o iodo naturalmente, pois o iodo adicionado ao sal refinado não é absorvido pelo corpo (entra e sai).
Espero ter ajudado com essas informações. Consulte mais de um médico ou procure uma nutricionista, não esquecendo também de cuidar do corpo emocional, com a prática de meditação, uso de florais etc.

Fonte: adaptado do livro Manual do proprietário, editora Delphos.



10 de dezembro de 2011

Evite a substância paracetamol ou acetaminofeno

Sempre que possível evite tomar remédios que contenham a substância paracetamol, usada em antitérmicos e analgésicos. Ela é tóxica para o fígado, diminui o estoque de glutation (molécula que desintoxica os tóxicos do corpo). Saiba que um grande número de transplantes hepáticos ocorre em função da utilização dessa droga. 
Lembre-se, ela está presente em vários medicamentos para febre, dor, artrite, artrose, antigripais, entre outros.
O risco é maior se tomado junto com o álcool, pois a lesão pode ser fulminante.
Veja mais em:

http://noticias.uol.com.br/uolnews/saude/entrevistas/2005/12/08/ult2748u82.jhtm
http://www.portaleducacao.com.br/farmacia/artigos/1099/cientistas-alertam-para-riscos-do-paracetamol

6 de novembro de 2011

20 de outubro de 2011

Açaí tem potencial anticancerígeno, revela estudo

O segredo da fruta seriam seus antioxidantes. Foto: Divulgação


Mais uma indicação do potencial anticancerígeno do açaí acaba de ser anunciada. Um grupo norte-americano publicou artigo no Journal of Agricultural and Food Chemistry em que descreve como os antioxidantes contidos no fruto originário da Amazônia conseguiram destruir células cancerosas.

O estudo mostra que os extratos do açaí foram capazes de estimular a destruição de até 86% das células de leucemia testadas. “O açaí é considerado uma das mais ricas fontes de antioxidantes e esse estudo representa um importante passo no sentido de entender os possíveis ganhos com o uso de bebidas, suplementos dietéticos e outros produtos feitos com o fruto”, disse Stephen Talcott, professor do Instituto de Ciências Alimentícias e Agrícolas da Universidade na Flórida, em comunicado da instituição.

O pesquisador ressalta que os resultados não significam que o fruto possa prevenir leucemia em humanos. “Nós trabalhamos com um modelo de cultura celular e não queremos dar falsas esperanças a ninguém. Mas os resultados encontrados até o momento são encorajadores, pois compostos que mostram boas atividades contra células cancerosas em modelos em laboratório têm potencial para oferecer efeitos benéficos no organismo humano”, disse.

Talcott lembra também que estudos anteriores indicaram a capacidade de destruir células cancerosas de antioxidantes contidos em outros frutos, como uvas, goiabas e mangas. Segundo o pesquisador, ainda não se sabe muito bem quais são os efeitos dos antioxidantes em tais células no organismo humano, uma vez que fatores diversos como absorção de nutrientes, metabolismo e outros processos bioquímicos podem influenciar a atividade dessas substâncias.

O grupo de Talcott está em meio a outro estudo, com conclusão prevista para este ano, para investigar os efeitos dos antioxidantes do açaí, conhecido nos Estados Unidos como “brazilian berry”, em voluntários saudáveis. A pesquisa pretende determinar como esses componentes são absorvidos pelo sangue e como eles afetam a pressão sangüínea, os níveis de colesterol e outros indicadores.

Os pesquisadores pretendem também conhecer melhor o fruto amazônico, que estimam ter pelo menos 75 componentes ainda não identificados. “Um dos motivos por que conhecemos tão pouco a respeito do açaí tem a ver com o fato de ele ser altamente perecível, sendo usado tradicionalmente logo após a colheita. Como produtos feitos a partir do fruto processado existem há poucos anos, cientistas de outros países ainda não tiverem muita oportunidade de estudá-lo”, explica Talcott.

O cientista destaca ainda que muito tem se falado sobre as propriedades do açaí, mas que a maioria delas não foi comprovada cientificamente. “Estamos apenas começando a entender a complexidade do fruto e seus efeitos para a promoção da saúde”, disse.

O grupo da Universidade da Flórida é um dos primeiros de fora do Brasil a estudar o açaí. O fruto é produzido pela palmeira Euterpe oleracea, planta típica de várzea. 

Fonte: FAPESP

27 de setembro de 2011

Glândulas e o espiritualismo

Para Edgar Cayce, a ação sobre o sistema glandular é o caminho para se obter a cura ou a enfermidade.
A escolha depende de como agimos para influenciar as glândulas.
Por Helena Gerenstadt
De acordo com Edgard Cayce, as glândulas endócrinas são o ponto de contato entre os nossos três corpos. São nelas que se encarnam o espírito e a alma, e é através delas que se atua no corpo físico. Portanto, a cura se inicia no sistema glandular. Segundo Cayce, o sistema glandular é a fonte de todas as atividades humanas, de todas as disposições, de todos os temperamentos e da diversidade das naturezas e das raças.
O medo, a cólera, a alegria, quaisquer das energias emocionais estão relacionadas com as glândulas endócrinas, pois as mesmas produzem secreções hormonais que se expandem dentro do organismo. Os olhos, o nariz, o cérebro, a traquéia, os brônquios, os pulmões, o fígado, o baço, o pâncreas, não podem funcionar de forma isolada, mas podem renovar-se dentro do conjunto das funções glandulares.
Talvez seja neste ponto que o sistema endócrino seja influenciado pelas atividades da alma e é por este caminho que se encontra o dom do Criador.
As glândulas estão relacionadas com a renovação das células, com a degeneração e com o rejuvenescimento, não só da energia física, mas também da energia do corpo mental e do corpo espiritual.
É através dessas minicentrais de energia que nosso corpo físico recebe a cura ou a enfermidade. Nossas atitudes mentais não são alheias às nossas atitudes físicas tais como o nosso falar, o nosso tom de voz, a nossa forma de olhar , pois todas as glândulas endócrinas estão atuando sobre nosso sistema sensorial.
Quando Cayce fala sobre como essas glândulas orquestram todas as atividades do corpo físico sua forma, suas manifestações, suas percepções , ele também comenta a respeito dos centros glandulares maiores, ou seja, aquelas glândulas que secretam hormônios como a pineal, a pituitária, o timo, a tireóide, as supra-renais e as gônadas masculinas e femininas.
Existem outras glândulas no organismo, mas correspondem ao que a tradição hindu chama de chacras, que são as chaves da personalidade humana. Cada uma das glândulas corresponde a uma função precisa, a uma vibração colorida, a um elemento da Terra, a um signo astrológico e a uma influência de um planeta.
A pituitária é a glândula mais alta do corpo; está relacionada com a luz e se desenvolve no silêncio.
A glândula pineal é o ponto inicial para a construção do embrião no ventre da mãe.
A tireóide entra em ação quando se deve tomar uma decisão e agir.
O timo corresponde ao coração.
As supra-renais são o nosso centro emocional e atuam sobre o plexo solar. As gônadas são os motores do corpo físico.
Edgard Cayce também explica que, por exemplo, todas as glândulas estão envolvidas no sentimento de cólera.
Uma pessoa que está amamentando, tomada por algum estado de cólera, afetará suas glândulas mamárias, e o bebê vai sentir perturbação em suas glândulas digestivas. A reação principal se produz nas glândulas supra-renais.
Cayce estima que as enfermidades chegam ao corpo físico através dos venenos segregados nos centros glandulares pelas atitudes negativas.
E, no sentido contrário, seria possível encontrar a cura trabalhando-se de uma forma positiva, por meio da meditação.
Por exemplo, por meio da oração Pai-Nosso que encontra correspondência nos centros glandulares.
A oração de forma meditativa pode ter um efeito dinamizante sobre as glândulas; é uma busca para compreender como atua a Força Criadora de Deus sobre o corpo.
A pituitária corresponde à palavra Céu;
A pineal corresponde à palavra Nome;
A tireóide corresponde à palavra Vontade;
O timo corresponde a Mal;
O plexo solar corresponde à palavra Ofensas;
A região do sacro,com as células de Leyden, corresponde à palavra Tentação;
As gônadas correspondem à palavra Pão.
Assim, teríamos a 'correspondência entre os versos do Pai-Nosso e as principais glândulas endócrinas',segundo Edgar Cayce:
'Pai-Nosso que estais no Céu' abre a pituitária (glândula-mestra do corpo);
'Santificado seja Vosso Nome' abre a glândula pineal;
'Venha a nós o Vosso Reino' abre a tireóide;
'Seja Feita a Vossa Vontade, assim na Terra' abre o timo;
Como no Céu' abre a tireóide;
'O pão nosso de cada dia nos dai hoje' abre as gônadas (glândulas sexuais masculinas e femininas);
Perdoai-nos nossas ofensas, assim como nós perdoamos aos que nos ofenderam' abre as supra-renais;
'E não nos deixeis cair em tentação' abre as células Leyden(ou glândulas de Leydig, que não são verdadeiramente glândulas, mas sim um conjunto de células secretoras de hormônios, localizadas abaixo do umbigo e por cima das gônadas);
'Mas livrai-nos do Mal' abre o timo;
'Pois é Vosso o Reino' abre a tireóide;
O Poder' abre a glândula pineal;
'E a Glória' abre a pituitária.

Edgar Cayce

Conhecido também como o "profeta adormecido", Edgar Cayce (1877-1945) é tido como um dos maiores médiuns de todos os tempos, capaz de realizar previsões que, segundo alguns, superam as profecias de Nostradamus. Cayce era capaz de entrar num estado alterado de consciência, ou sessões que ele chamava de "leituras", nas quais conseguia diagnosticar com certa precisão as doenças das pessoas que o procuravam, inclusive fornecendo os nomes dos medicamentos que iriam ajudá-las.Posteriormente, passou a fazer uma série de leituras referentes ao passado e ao futuro da humanidade, falando sobre a construção da pirâmide de Gizé, sobre a suposta existência da Atlântida e relacionando-a a uma descoberta a ser feita no Caribe.

22 de setembro de 2011

Alerta sobre a soja - o que você deve saber

A soja começou a ser utilizada como alimento durante a dinastia Chou (1134-246 AC), depois que os chineses aprenderam a fermentar os grãos de soja para produzir alimentos como missô e shoyu. Os orientais consomem alimentos de soja em pequenas quantidades, como condimento e não para substituir produtos animais. A maioria dos alimentos modernos de soja não são fermentados para neutralizar toxinas contidas nos grãos de soja e são processados de tal forma que as proteínas são alteradas e os níveis de cancerígenos aumentam.

* Inibidores de tripsina na soja interferem com a digestão de proteínas e podem causar distúrbios no pâncreas.

* Alimentos de soja aumentam a necessidade de vitamina D no organismo, porém a vitamina D sintética, acrescentada ao leite de soja, é tóxica.

* Os análogos à vitamina B12 na soja não são absorvidos e até aumentam a demanda de vitamina B12 no corpo.

* Alimentos de soja contém altos níveis de alumínio, que são tóxicos para o sistema nervoso e os rins.

* O processamento da proteína de soja resulta na formação de lisinoanalina tóxica e de nitrosaminas altamente cancerígenas. Durante o processamento, também é formado glutamato monossódico, MSG, um potente neurotóxico, e quantidades adicionais são acrescentadas a vários alimentos de soja.

* Altos níveis de ácido fítico na soja reduzem a assimilação de cálcio, magnésio e cobre, bem como a biodisponibilidade de ferro e zinco, necessários para a saúde e o desenvolvimento do cérebro e do sistema nervoso. O ácido fítico na soja não é neutralizado por métodos comuns, como deixar de molho, germinar e cozinhar por muito tempo. Alimentos que contém grandes quantidades de ácido fítico causaram problemas de crescimento em crianças.

* Megadoses de fitoestrógenos, no pó de soja para lactentes, são implicados no atual aumento do desenvolvimento sexual prematuro em meninas e no retardamento do desenvolvimento sexual em meninos. Fitoestrógenos na soja interferem na função endócrina e podem causar infertilidade e podem provocar câncer de mama. Vários estudos revelaram que a soja causa infertilidade em animais. O consumo de soja aumenta o crescimento de cabelo em homens de meia idade, indicando níveis reduzidos de testosterona. Tofu era consumido por monges budistas para reduzir a libido.

Fitoestrógenos na soja são potentes agentes antitireóides que causam hipotireoidismo e podem causar câncer da tireóide. Em nenês, o consumo de leite de soja foi associado a uma doença auto-imune da tireóide. Alimentos de soja podem estimular o crescimento de tumores relacionados ao estrógeno e causar problemas na tireóide. A baixa função da tireóide está relacionada a dificuldades na menopausa.

* Em animais, a alimentação com soja mostra que fitoestrógenos na soja são poderosos disruptores endócrinos. A amamentação com soja — que inunda a corrente sangüínea com hormônios femininos, que inibem a testosterona — não pode ser ignorada como possível causa de desenvolvimento alterado em meninos, incluindo o TDAH, transtorno no déficit de atenção e hiperatividade. Meninos expostos a DES, um estrógeno sintético, tinham testículos menores que o normal na fase de maturação.

* Nenês do sexo masculino passam por uma “onda de testosterona” durante os primeiros meses de vida, quando os níveis de testosterona podem atingir aqueles de um homem adulto. Durante este período, o nenê masculino está programado para desenvolver características masculinas na puberdade — não apenas no desenvolvimento dos órgãos sexuais e de outros traços físicos masculinos, mas também na determinação das características cerebrais do comportamento masculino.

* Nenês alimentados com leite de soja têm 13.000 a 22.000 vezes mais compostos de estrógeno no sangue do que nenês que recebem leite em pó comum. O nenê alimentado exclusivamente com mamadeira de soja, recebe diariamente o estrógeno equivalente a, pelo menos, cinco pílulas anticoncepcionais por dia.

* Quase 15% de meninas brancas e 50% de meninas afro-americanas mostram sinais de puberdade, como desenvolvimento dos seios e pêlo púbico, antes dos oito anos de idade. Algumas meninas mostram desenvolvimento sexual antes dos três anos de idade. O desenvolvimento prematuro de meninas foi relacionado ao uso de mamadeira de soja e à exposição a pseudo-estrógenos ambientais como PCBs e DDE.

* O consumo elevado de fitoestrógenos durante a gravidez pode produzir efeitos adversos no feto e, mais tarde, sobre o início da puberdade.

O FDA nunca aprovou a proteína isolada da soja como GRAS (Generally Recognized as Safe), devido à preocupação com a presença de toxinas e cancerígenos na soja processada.

Fonte: extraído do site http://www.taps.org.br/Paginas/alimartipri07.html

21 de setembro de 2011

Déficit de atenção (DDA) X deficiência de vitamina B12

A falta de B12 desde a infância pode ser a causa de deficiência na escola (por déficit de atenção), no aprendizado, em especial matemática, problemas em absorver informações, depressão e hiperatividade.  Vegetarianos são mais propensos a deficiência.
A deficiência paralela de Omega 3 só agrava mais o quadro.
A vitamina B12 que dá resultados mais rápidos no cérebro para curar este tipo de problema é a metilcobalamina, já que a cianocobalamina é muito pouco absorvida pelos neurônios e a metilcobalamina é absorvida quase integralmente. No Brasil é difícil achar meticobalamina (
Methylcobalamine), sendo mais fácil comprar nos EUA pela internet.
Também a falta de B12 pode desencadear autismo e depressão em crianças. Sua reposição pode auxiliar e freiar o Alzheimer, Parkinson e outras patologias.
A falta de B12 no cérebro freia a transmissão sináptica, dificultando o raciocínio, memória, estudo, foco e reduz o QI (inteligência). 

Fonte: recebido por email
Mais informações em:

The ADHD/B12 connectiona closer look 

http://lifewithadhd.com/adhd-research/the-adhdb12-connectiona-closer-look.php


http://www.visittrivita.com/13170419

http://healingautismandadhd.wordpress.com/2011/02/19/recall-on-alcohol-prep-pads-b12-shot-users/


11 de agosto de 2011

A glândula pineal e o zumbido no ouvido


A pineal está localizada no meio do cérebro, na altura dos olhos. Ela é um órgão cronobiológico, um relógio interno. Como ela faz isso? Captando as radiações do Sol e da Lua. A pineal obedece aos chamados Zeitbergers. Por exemplo, o Sol é um Zeitberger externo que rege as noções de tempo e que influencia a pineal, regendo o ciclo de sono e de vigília, quando esta glândula secreta o hormônio melatonina. Isso dá ao organismo a referência de horário.Existe também o Zeitberger interno, que são os genes, trazendo o perfil de ritmo regular de cada pessoa.Nós vivemos em três dimensões e nos relacionamos com a quarta, através do tempo. A pineal é a única estrutura do corpo que transpõe essa dimensão, que é capaz de captar informações que estão além dessa nossa dimensão. Para Descartes é o ponto em que a alma se liga ao corpo, até na questão física há uma lógica que é esta glândula que lida com a outra dimensão, e isso é um fato.Todos os animais têm essa glândula; ela os orienta nos processos migratórios porque sintoniza o campo magnético. Nos animais, a glândula pineal tem fotorreceptores iguais aos presentes na retina dos olhos, porque a origem biológica da pineal é a mesma dos olhos, é um terceiro olho, literalmente. Os cientistas Vollrath e Semm, que têm artigos publicados na revista científica Nature, de 1988, comprovam que a pineal converte ondas eletromagnéticas em estímulos neuroquímicos. O espiritual age pelo campo eletromagnético, se há uma interferência espiritual por exemplo, se dá justamente pelo campo eletromagnético. As interferências acontecem na natureza pelas leis da própria natureza. Segundo Sérgio Felipe de Oliveira, a pineal captaria informações do mundo espiritual por ondas eletromagnéticas, como “um telefone celular”, e as transformaria em estímulos neuroquímicos. A parapsicologia diz que estes campos eletromagnéticos podem afetar a mente humana. O dr. Michael Persinger, da Laurentian University, no Canadá, fez experiências com um capacete que emite ondas eletromagnéticas nos lobos temporais. As pessoas submetidas a essas experiências teriam tido “visões” e sentiram presenças espirituais. O dr. Persinger atribui esses fenômenos à influência dessas ondas eletromagnéticas. Pesquisas recentes indicam que a pineal está ligado a dois centros nervosos, um de cada ouvido. Estes dois centros nervosos, e mais o centro situado na própria glândula, formam um triângulo, com a pineal no centro da cabeça com o ápice ou vértice superior, e dois centros nervosos dos ouvidos formando a base. Assim, os pesquisadores elaboraram o princípio de que tudo o que afete os tímpanos afetará a pineal, qualquer princípio que afete a pineal afetará os tímpanos. A glândula está localizada em uma área cheia de líquido. O som faz o líquido vibrar, provocando uma reação na glândula. Essa belezinha, converte ondas eletromagnéticas em estímulos neuroquímicos. A Física Quântica diz que tudo é vibração e nós vibramos em diferentes frequências, também somos influenciados em diferentes frequências, por meio natural ou não.Estamos sendo bombardeados com energias vindo da galáxia, incluindo o bombardeio do Sol, tudo isso afeta a Terra e logicamente nos afeta. Sempre vibração e som, recentemente os cientista conseguiram até reproduzir o som do Sol nas suas explosões solares.Quanto mais se intensifica o som, mais a pineal "trabalha", quanto mais ela trabalha, mais se intensifica o som, formando um circulo que nos leva rapidamente ao estado de projeção consciente.Sendo assim, meus amigos, os barulhos, zumbidos, apitos, sininhos que você pode estar ouvindo diariamente ou esporadicamente são produzidos pelo trabalho/desenvolvimento da glândula pineal e todo um fator externo está contribuindo para isso. Nós estamos literalmente escutando essa belezinha trabalhar. Essa glândula é nossa conexão com outras dimensões, nossa glândula foi danificada ao “longo do tempo”, por falta de uso, química (veneno) nos nossos alimentos, poluição e acredito que a nossa contribuição tenha realmente sido a maior de todas, porque caímos nas ilusões materialistas e hoje somos extremamente apegados a tudo que os nossos 5 sentidos podem tocar, sentir, ver e ouvir. Pra terminar, vou deixar um exercício de meditação de desenvolvimento energético da pineal. Um exercício diferente, mas bem gostoso de realizar. Certos exercícios psíquicos provocam um zumbido que começa a se manifestar nos ouvidos e persiste por algum tempo. Esse zumbido indica que alguma energia ou ação está sendo transmitida aos tímpanos, a partir da pineal. (Pesquisa feita pela Universidade de Basle na Suíça). Deverá ser feito no escuro, onde a produção do hormônio da pineal aumenta. Por uma ou duas semanas, deve-se relaxar por alguns minutos, coloque o dedo indicador de cada mão o mais para dentro do ouvido que seja possível sem pressão incômoda.Enquanto os dedos estiverem nesta posição nos ouvidos, tomem uma inalação profunda pelo nariz e retenha o quanto possível.Mantenha a boca fechada, quando não puder mais prender a respiração, exale lentamente pelo nariz.Conserve os dedos nos ouvidos durante todo o tempo que esteja inalando, retendo e exalando.Respire normalmente por mais ou menos 30 segundos e repita o procedimento por 10 vezes. Ao terminar, você sentirá um calor nos dutos auditivos.A respiração pelo nariz, com os dedos colocados nos ouvidos, estabelece um circuito bem definido de vibrações positivas e negativas, que afetem os centros nervosos do crânio, o centro nervoso da tireóide, e os centro nervosos de cada um dos dois dedos. O resultado deste exercício, se praticado conforme a instrução, será a desobstrução do nariz para a respiração e dos ouvidos para a audição, a eliminação de qualquer congestão craniana, o desenvolvimento da sensibilidade dos nervos do nariz a ponto de perceberem novos odores ou facilitar os já conhecidos. Ao mesmo tempo, a pineal irá despertar gradativamente, com crescente vitalidade para as funções psíquicas.  

Fonte: recebido por email. Para saber mais, acesse a palestra proferida pelo professor da USP Dr. Sérgio Felipe de Oliveira no youtube.








4 de agosto de 2011

A verdade sobre o filtro solar


Em entrevista concedida ao Arrase! o Dr. Lair Ribeiro faz revelações surpreendentes sobre o uso do filtro solar. Dados que nunca são divulgados, esclarecidos de maneira acessível pelo consagrado médico e autor.
 
Arrase!: Os filtros solares não funcionam?
Dr. Lair Ribeiro: Os filtros solares brasileiros em sua maioria não funcionam e ainda engordam.
Porque não funcionam: O que causa estragos na pele são os raios UVA, e a maioria dos filtros solares brasileiros só protegem contra os raios UVB. As pessoas usam filtros solares comerciais sem saber que não estão sendo protegidas dos raios que realmente causam os estragos: Os raios UVA.
As marcas de filtros solares costumam citar na embalagem "proteção UVA/UVB" e logo em seguida citam algo como "proteção de largo espectro". Isso quer dizer que a proteção UVB é a indicada no rótulo: FPS 15, 30 ou qualquer outro, mas a proteção UVA que é medida em PPD não existe, fica disfarçada com a tal frase "proteção de largo espectro".
Isso é uma forma genérica de não se dizer nada, uma forma de disfarçar a falta de proteção UVA.
Arrase!: E quanto ao fato do filtro solar engordar?
Dr. Lair Ribeiro: Engordam. Por exemplo, outro dia uma moça me mostrou com orgulho um tubo de filtro solar FPS 100, disse que havia pagado uma fortuna e que achava que agora estava protegida.
E eu perguntei:
Desde quando você está usando esse filtro?
Há alguns meses.
E quantos quilos você engordou desde que começou a usar esse filtro?
Ela parou, pensou e disse: uns sete quilos.
Isso é uma verdade que quase ninguém sabe, isso não é divulgado.
Os filtros solares brasileiros em sua maioria contêm como agente principal uma substância chamada 4-metil benzilideno cânfora (4-mbc).
Essa substância bloqueia a função da tireóide e com isso a atividade estrogênica cresce, o nível de estrogênio aumenta.
Em resumo: o 4-metil benzilideno cânfora é absorvido através da pele e desencadeia uma maior produção de estrogênio que é um hormônio feminino.
O aumento de estrogênio engorda e faz aparecer a celulite.
Nos homens que usam filtro solar, ocorre o aumento do tecido mamário e o arredondamento dos glúteos, dando-lhes uma forma típica do corpo feminino. O homem fica com ‘peito e bunda’.
Além desses fatores, o 4-metil benzilideno cânfora é altamente cancerígeno.
Por todos esses motivos, o 4-metil benzilideno cânfora é uma substância que está proibida em muitos países, mas não no Brasil.
Arrase!: Podemos engordar mesmo se usarmos esses filtros solares comuns só em uma área pequena como o rosto?
Dr. Lair Ribeiro: Sim, dá no mesmo. O rosto é um lugar que absorve muito.
Arrase!: Existe algum filtro solar que não engorde?
Dr. Lair Ribeiro: Filtros solares que tenham Tinosorb como princípio ativo, já que essa substância protege dos raios UVA, não engorda e não é cancerígena.
Arrase!: O sol afinal é causador de problemas ou não?
Dr. Lair Ribeiro: Em 1903, o Dr. Niels Ryberg Finsen ganhou o prêmio Nobel de medicina estimulando o uso da luz solar na cura de doenças. Ele já sabia na época, que o sol desencadeia a produção de hormônio D3 (o que conhecemos como vitamina D, mas que na verdade é um hormônio).
A partir daí, muitas doenças foram tratadas com a luz solar.
Hoje sabemos que a vitamina D é o hormônio mais poderoso no corpo humano, e é responsável por controlar pelo menos 10% dos genes do corpo de uma pessoa.
Atualmente, existe uma deficiência de vitamina D nas pessoas. Elas acordam, entram no carro na garagem sem sol, dirigem até o trabalho onde passam no mínimo 8 horas sem sol, voltam para casa à noite.
Não tomam sol, e quando tomam, tomam com medo, se instalou uma paranóia de que o sol faz mal, tomam sol cheias de filtros solares que não bloqueiam o que realmente causa danos: raios UVA.
As pessoas têm medo de ficar com melanoma (câncer de pele) se tomarem sol, mas paradoxalmente, quanto menos as pessoas tomam sol no mundo, mais cresce a incidência de melanoma e de cânceres diversos como de pulmão, próstata, colo, e de doenças como o diabetes, o raquitismo, doenças cardíacas, perda de dentes.
A incidência dessas doenças aumenta na medida em que as pessoas se afastam do sol.
O sol diminuiu e o melanoma aumentou.
As pessoas não sabem que a maioria dos casos de câncer de pele aparecem em áreas onde não se toma sol: área interna da coxa, axilas, etc.
Arrase!: E como se proteger do fotoenvelhecimento?
Dr. Lair Ribeiro: De nada adianta tentar combater o fotoenvelhecimento usando filtros que não protegem dos raios UVA.
Além disso, o que mais envelhece o ser humano é a falta de produção de vitamina D.
Entre os 20 e os 70 anos de idade, o ser humano vai perdendo a capacidade plena de produção de vitamina D, o que só é conseguido tomando sol diariamente, e não fugindo do sol como as pessoas vêm fazendo.
Usar um filtro que proteja dos raios UVA ajuda muito também.
Arrase!: Como escolher um filtro solar eficiente e que não engorde?
Dr. Lair Ribeiro: Filtro solar eficiente é o que tenha proteção UVA e UVB. Pouco adianta usar um filtro que proteja somente contra raios UVB.
E filtro solar que não engorda não deve conter 4-metil benzilideno cânfora (4-mbc).
Arrase!: Como saber se o filtro escolhido protege contra os raios UVA?
Dr. Lair Ribeiro: Para começar, as pessoas já erram jogando dinheiro fora com filtros solares com altos índices FPS sem saber o que estão fazendo.
Para entender corretamente, FPS é o índice que determina o tempo em que uma pessoa pode ficar ao sol sem ficar vermelha.
Se eu for explicar de uma maneira acessível seria assim: uma pessoa vai para o sol ao meio dia, de biquíni, liga o cronômetro e marca quantos minutos leva para sua pele começar a ficar vermelha. Vamos dizer que a pele dela começou a ficar vermelha em 20 minutos.
Se essa pessoa resolver usar um filtro com FPS 15, isso quer dizer que sua pele estaria protegida por um tempo 15 vezes maior: 20 X 15 = 300. Nesse caso isso daria 300 minutos ou 5 horas, o que significa que com esse FPS essa pessoa poderia ficar ao sol por 5 horas sem ficar vermelha.
Se a mesma pessoa resolvesse usar um filtro com FPS 70, estaria protegida por 15 X 70 = 1400 minutos, ou 20 horas.
Mas quem fica 20 horas sob o sol? As pessoas gastam dinheiro com filtros de FPS elevados sem se darem conta de que isso é inútil, dinheiro indo pelo ralo abaixo.
Uma pessoa comum não fica 20 horas sob o sol, quando muito, fica em torno de 4 ou 5 horas.
Assim, usar um filtro solar de FPS 70 no caso dessa pessoa, é uma besteira.
O erro já começa aí.
O índice FPS indica quanto o produto protege contra a radiação UVB.
O índice PPD indica quanto o produto protege contra a radiação UVA.
As pessoas estão acostumadas a ver qual é o FPS, mas o que elas devem checar mesmo é se no rótulo do produto consta o PPD, ou seja, o fator de proteção contra raios UVA.
Somente se estiver escrito o PPD no rótulo, o produto será útil contra os raios UVA.
Arrase!: Qual o índice PPD adequado para proteção contra raios UVA?
Dr. Lair Ribeiro: O índice adequado de PPD é sempre aquele que estiver numa quantidade em ao menos metade do índice FPS. Por exemplo, se você comprar um filtro solar com FPS 30, o fator adequado de proteção PPD será 15. (metade de 30 = 15)
Verifique sempre na embalagem se constam esses dois índices: FPS e PPD.
Se só constar o FPS, não adianta nada.
Arrase!: Como usar corretamente o filtro solar?
Dr. Lair Ribeiro: Primeiro, usando um filtro que proteja dos raios UVA.
Segundo, fazendo uso do filtro de modo adequado: vá para o sol, tome em torno de 20 a 30 minutos de sol sem protetor e somente após esse período passe o protetor.

6 de julho de 2011

Os benefícios do óleo essencial de ylang-ylang




O óleo essencial de ylang-ylang teve seus efeitos relaxantes comprovados cientificamente no estudo publicado no site da pubmed. Foi notado a diminuição da adrenalina, taquicardia e consequentemente baixa da pressão sanguínea através da inalação e uma gota colocada no pulso. Eu mesma fiz a comprovação disso em casa com minha mãe e realmente funciona. 
Há dois nomes científicos, a Cananga odorata, proveniente de Madagascar, com aroma mais intenso e a variedade macrophyllia, proveniente da Índia e Indonésia, cujo aroma é mais suave. Tem como princípio ativo o linalol, geraniol e beta-cariofileno. Sua destilação é feita a vapor das flores, por extração por solvente ou por CO2.
Todos tem aroma sensual e são considerados afrodisíacos (aroma semelhante aos feromônios femininos). Também melhora a depressão (principalmente de fundo afetivo) e o humor. Estimula a união, calmante, suaviza e inibe a raiva provocada pela frustração.
É excelente também para usar em ambientes agitados, colocando-se algumas gotas no difusor. Atenção para a dosagem, por ter aroma intenso, demora mais para evaporar, por isso é muito usado também em perfumaria.
Na Indonésia é comum as pessoas colocarem as flores da planta na cama dos recém-casados na noite de lua-de-mel.

Referências científicas: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/16807875

9 de junho de 2011

A IMPORTÂNCIA DO MAGNÉSIO NA PRÁTICA DE ATIVIDADE FÍSICA

O Magnésio (Mg) é um dos micronutrientes mais abundantes no organismo.
Aproximadamente 30% do magnésio existente no indivíduo adulto está nos músculos e 60% no esqueleto. Existem mais de 300 enzimas diferentes, distribuídas pelo organismo, que são ativadas pelo magnésio, o que evidencia a sua importância no metabolismo humano. É essencial ao metabolismo da glicose, à produção de energia celular, à síntese de proteínas e do DNA, atuando principalmente nos processos de relaxamento e contração muscular. 


Sistema Imune

Evidências indicam que o magnésio exerce funções no desenvolvimento, distribuição e função de células imunes. Além disso, é necessário para a função normal dos leucócitos, sendo importante para a resposta imune, como co-fator na síntese de imunoglobulinas (função de anticorpos), estando envolvido na inflamação e apoptose (morte celular programada). A sua deficiência pode afetar numerosos aspectos do sistema imunológico.


Relaxamento muscular e função cardíaca. 

O magnésio desempenha papéis antagônicos ao cálcio. O cálcio promove a contração muscular e o magnésio o relaxamento. Por essa razão, a deficiência de magnésio pode provocar contrações involuntárias, tremores, câimbras, arritmias cardíacas, etc. O magnésio também desempenha importantes papéis cardioprotetores e antiarrítmicos. Esse mineral está cientificamente classificado como o mais importante para higidez da atividade cardíaca, para manutenção da função e estrutura do miocárdio. Além disso, mantém a pressão sangüínea normal e reduz os batimentos irregulares.

DEFICIÊNCIA:
A deficiência do magnésio pode estar relacionada a distúrbios de absorção intestinal, vômitos persistentes, esteatorréia, perda excessiva de fluidos e eletrólitos e doenças renais.

Principais sintomas de deficiência:
• Tremores;
• Contrações musculares, câimbra;
• Inibição da síntese de DNA e RNA; • Alterações de humor;
• Confusão mental e desorientação;
• Fagida;
• Insônia;
• Taquicardia e arritmias cardíacas. 

FONTES ALIMENTARES: 

A maior parte do magnésio provém das verduras, particularmente das folhas verde-escuro. Os outros alimentos, que são boas fontes de magnésio, são os produtos de soja como a farinha de soja e o tofu, legumes e sementes; nozes como amêndoas, castanhas-do-brasil e castanha de caju; grãos integrais, como arroz integral e painço; frutas, como damascos secos e abacate. O álcool e a cafeína aumentam a excreção do mineral pela urina.

MAGNÉSIO E ATIVIDADE FÍSICA

A atividade física, seja qual for a sua natureza, aumenta a necessidade de energia, onde o magnésio está diretamente ligado. Foi constatado que os níveis de magnésio imediatamente após o treino são baixos. Por isso, é importante alertar os atletas a respeito da falta desse mineral, uma vez que atua no relaxamento muscular, ajuda a melhorar o desempenho e condições físicas do atleta. A suplementação desse mineral é sugerida na prevenção da fadiga muscular durante o exercício de endurance. 

Os atletas são bastante prejudicados por não existir uma recomendação dietética específica para esta população (dirigida para população em geral, não fazendo referência pra a atividade física). 
SETARO et. al (2005) avaliaram o estado nutricional em relação ao magnésio, em 14 atletas de voleibol profissional. Foi verificado que a população ingeriu menos do recomendado pelas DRI’s (RDA). Dentre os 14 atletas, 2 apresentaram ingestão e excreção urinaria de magnésio abaixo do recomendado. Esse estudo salienta a importância do equilíbrio nutricional em minerais para o exercício."

Fonte: portal.anhembi.br/publique