10 de maio de 2009

A geléia real - um poderoso alimento

A geléia real é produzida pela abelhas para servir de alimento exclusivo para abelha mestra, a qual cresce e dura muito mais do que as outras abelhas. É um super alimento, composto de vitaminas do complexo B, aminoácidos, fósforo, substâncias antibióticas e sais minerais. Atua de maneira notável em esgotamentos e em depressões, alergias, artrite, anemias, leucemia e raquitismo. Rejuvenesce a pele e o organismo, é cicatrizante, revigorante, eliminando o cansaço mental e físico. Normaliza o sistema endócrino, possui componentes anticancerígenos, é boa para problemas digestivos, cardiovasculares, para a doença de Parkinson, tuberculose, além de promover a longevidade, entre muitos outros benefícios. Deve ser usada ao natural, sem misturas, pois ao misturá-la, seja em casa ou em produtos comprados, ela perde as suas propriedades. Deve ser consumida imediatamente após ser retirada da colméia ou congelada, o que prova que os produtos vendidos no comércio na maioria das vezes não tem valor algum. Devido à pequena quantidade retirada da colméia, o seu preço é relativamente alto. Usa-se em média 1 a 2 g (1 colher de cafe rasa) em baixo da língua até dissolver, uma a três vezes ao dia, em jejum ou 30 minutos antes das refeições. Pode ser usada sobre a pele, aplicada a noite toda, para diminuir manchas, acne e rugas.

2 comentários:

  1. Olá Tenho uma paciente que tem a sindrome de Hashimoto e gostaria de especificações para esse tipo de disfunção pois eu tomo geléia a muitos anos, mesmo não apresentando problema algum de saúde.
    Patricia

    ResponderExcluir
  2. Cara Patrícia, acredito que a geléia real vai ser muito benéfica sim, pelo elevado teor de aminoácidos e vitaminas que nutrem o cérebro, atuando também sobre o sistema nervoso e parassimpático, equilibrando os hormônios.
    Um abraço.

    ResponderExcluir